Hoje é

RELATO TÉCNICO: EMBOLIZAÇÃO DA ARTÉRIA MENINGEA MÉDIA PARA PREVENÇÃO DE EXPANSÃO DO HEMATOMA EXTRADURAL

Dr. Diego de Almeida Bandeira

R2 de Neurorradiologia Vascular Diagnóstica e Terapêutica do Inrad-FMUSP.


Relatamos o caso do paciente P.B., admitido no Pronto Socorro do HC-FMUSP, vítima de TCE grave causando contusão hemorrágica temporal direita e hematoma extradural à esquerda (Fig.1), considerado não cirúrgico pela equipe de Neurocirurgia:

hed.jpg

Fig 1.

Foi-nos então solicitado embolização da artéria meníngea média esquerda com o intuito de evitar expansão do hematoma extradural, conforme foi descrito por Ross (J Neurosurg. 2009  Jun;110(6):1247-9. doi: 10.3171/2008.7.JNS0883) e Lammy (Br J Neurosurg. 2013 Jun;27(3):383-5. doi: 10.3109/02688697.2012.717981. Epub 2012 Sep 4).

A angiografia inicial demonstrou vários pontos de extravasamento do meio de contraste nos ramos frontal da artéria meníngea média (AMM) esquerda, sendo que nesse último há formação de pseudoaneurisma. Observado também, como variação da normalidade, artéria oftálmica originando-se da artéria meníngea média contraindicando a embolização com partículas (Fig. 2 e 3).

hed2.jpghed3.jpg
Fig. 2 e 3
Foi então optado por embolização com espiras de platina destacáveis, com o intuito de preservação da artéria oftálmica.
hed4.jpg hed5.jpg
Fig. 4 e 5

Controles revelaram oclusão completa dos ramos lesados com patência da artéria oftálmica (Fig. 4 e 5).

Conforme descrito por Djindjian, este modo anormal de origem da artéria oftálmica é o mais frequentemente relatado na literatura e é o resultado de um forte desenvolvimento da anastomose normal entre o ramo recorrente da artéria lacrimal e o ramo orbital da meníngea. Dessa forma, a artéria oftálmica passa através da fissura orbital superior (Fig. 6) ou através de um forame na asa maior do esfenóide. Esta anastomose está normalmente presente durante a vida fetal.

Fig. 6

A anastomose embrionária é entre o ramo supraorbitário artéria estapediana e a artéria oftálmica (Fig. 7). Torna-se mais forte quando a artéria oftálmica ou seu tronco principal é fracamente desenvolvido ou completamente degenerado.


Fig. 7

 


Leitura Recomendada:
Embolization of the middle meningeal artery for the treatment of epidural hematoma

SBNR Informa!

Clique e veja o Edital de Convocação